Pesquisar este blog

Pesquisar este blog

6 de out de 2012


Os Significados da Estrela de Davi




A Estrela de Davi ou Selo de Salomão é um símbolo com muitos significados.

Primeiro: A estrela de Davi nada mais é do que um quadrado em movimento, em três posições diferentes.
 
Esse quadrado representa Deus, o tetragrama sagrado YHWH em suas três formas de manifestação no universo: principio espiritual, principio material e fluido universal. Exatamente por isso os 72 nomes de Deus da Cabala são compostos cada um por 3 letras do alfabeto hebraico (cada letra representa uma dessas manifestações)

E porque são 72? Porque representam o giro completo de cada um dos 3 quadrados visíveis na Estrela, um giro completo no círculo que representa o planeta Terra e suas 24 horas na rotação (giro no próprio eixo), ou seja, 3 quadrados multiplicados por 24 (período completo da rotação em horas), igual a 72.

Além disso, também representa o período de renovação completa das células do duplo etérico (por isso ele se desfaz em 72 horas após o desencarne). Cada um desses 3 quadrados também representa a base de uma pirâmide, mais precisamente as 3 pirâmides do vale de Gizé, onde Jesus recebeu sua iniciação e onde o símbolo da Estrela de Davi foi criado pelos grandes iniciados.

Segundo: O número 6 representa o homem encarnado, a vida encarnada, isso é conhecido desde os estudos do pitagorismo até os estudos mais antigos do povo hebreu com Moisés, tanto que na própria Gênesis é dito simbolicamente que o homem foi criado no sexto dia. Representa também a criação em sua plenitude, pois Deus simbolicamente criou tudo em 6 dias, é uma simbologia pra demonstrar a perfeição da Criação Divina, visto que se pegarmos os 3 primeiros números (1,2,3), eles somados ou multiplicados equivalem exatamente a 6 (1+2+3 = 6, 1x2x3 = 6).

Temos na Estrela de Davi 6 triângulos ligados ao hexagrama no centro. Esse hexagrama no centro simboliza o espírito encarnado no corpo físico, o homem encarnado.

Cada um dos 6 triângulos por sua vez representa os demais 6 corpos (os três triângulos superiores os corpos superiores, os três triângulos inferiores os corpos inferiores).

Somando então o 6 (equivalente ao hexagrama no centro) junto com o 6 (número dos triângulos ligados ao hexagrama), teremos o número 12, que representa o homem como uma pirâmide, 4 triângulos unidos (12 vértices), o homem ainda preso a realidade dos seus 4 corpos inferiores (4 triângulos que formam a pirâmide) tentando se elevar ao “cume da pirâmide”, somando esforços para multiplicar seus resultados. É a simbologia do homem como uma pirâmide, tentando se elevar da base da pirâmide (matéria) até a essência divina no ápice da pirâmide.

Terceiro: Os dois triângulos, apontando pra cima e pra baixo, representam fogo e água. Do entrelaçamento dos dois triângulos, surge um hexagrama no centro, com 6 triângulos a sua volta que formam o Selo de Salomão. Esse símbolo, conhecido no Oriente e no Ocidente, define que o grande triângulo apontando pra cima é o Triangulo de Fogo e o grande triângulo apontando para baixo é o Triangulo de Água.

O próprio Apocalipse relata esses símbolos, diante do trono sete tochas de fogo que são os espíritos de Deus (Ap 4:5), assim como também diante do trono um mar límpido como cristal (Ap 4:6), o aspecto espiritual simbolizado pelo que esta em cima e sua contrapartida: o aspecto material que está embaixo, mundo físico, mundo material. O triângulo apontando pra cima também representa o EU superior, a essência divina que existe em cada espírito e que inspira e impulsiona a alma ainda imperfeita e em evolução a entrar em sintonia, através do livre arbítrio e da lei de causa e efeito, à essa essência divina superior.

É o EU superior/essência divina que deu origem a alma individualizada em evolução e permanece fusionada a alma por toda a eternidade, expandindo constantemente suas potencialidades à medida que a alma se sintoniza cada vez mais com essa essência.

Por fim, a Estrela de Davi simboliza os 3 batismos ensinados por Jesus, João e seus seguidores: o batismo do arrependimento, feito nas águas, o batismo de fogo e o batismo do Espírito Santo.

João Batista (que batizou Jesus) e Pedro nos falam sobre o batismo de fogo: João Batista no livro de Mateus fala que Jesus viria pra batizar no Espírito Santo e no fogo (Mateus 3:11), enquanto que Pedro exorta os fieis a não se aborrecerem com o fogo da provação (1Pedro 4:12). O livro de Marcos fala que “todo homem será salgado no fogo da provação”(Marcos 9:49). Paulo fala em Corintios que no dia do julgamento a obra de cada um passará pelo fogo (1Corintios 3:13).

Então o que é esse fogo? O que é esse batismo de fogo??? É a provação!!! Jesus quando fala sobre o “fogo eterno” diz que aquele que não efetuar sua reforma íntima, viverá provações sem fim (fogo eterno) até que se alinhe conscientemente à essência perfeita que existe dentro dele.

A bíblia inclusive mostra esse roteiro em 3 etapas: o batismo de fogo (provações que o ser humano vivencia), o batismo do arrependimento, realizado na água (arrependimento sincero dos erros cometidos) e por fim o batismo do Espírito Santo (dar os frutos do Espírito, da essência perfeita que habita em nós, que somos “templo de Deus” como dizia Paulo em 1Corintios 3:16).

Reparem na figura: o fogo nos consumindo, de repente é jogada a água (o batismo do arrependimento era feito nas águas), o fogo se extingue e sai a fumaça ( representando o Espírito santo, o nosso espírito se libertando da matéria).

Da mesma forma na Estrela de Davi entre o triângulo superior e o triângulo inferior está ali simbolizado o homem encarnado (como já explicado no item 2 desse texto).

Da junção do fogo (triângulo superior) com a água (triângulo inferior) nasce o espírito liberto na figura de uma fumaça se elevando aos céus, quando fogo e água, os dois triângulos que formam a Estrela de Davi se encontram.

A Estrela de Davi é, em suma, um símbolo que representa a ascensão espiritual, a busca da conexão com as altas esferas espirituais e libertação das limitações da matéria, a evolução, a reforma moral.



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário